Não. Não é sobre o Sporting!... São dicas e opiniões sobre jardinagem, paisagismo, ambiente, ecologia, natureza, energias alternativas, reciclagem, etc, etc, etc...

.Vamos a votos?


Google PageRank Checker

.pesquisar:

 

.Agosto 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
www.greenpeace.pt

.ainda verditos:

. Porque amamos os animais....

. Solução de arrumação para...

. Agradecendo

. Porque amamos os animais....

. Porque amamos os animais....

. Porque amamos os animais....

. Porque amamos os animais....

. Vou de férias!

. Abriu a caça ao Voto!

. Porque amamos os animais....

. Que tal... umas férias no...

. Tão giro!

. Pequeno, mas com muita ar...

. Porque amamos os animais....

. Apelo!

.já maduros:

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

.links

.tags

. todas as tags

.euVerde:

.vósVerdes:

.mundoVerde:

Locations of visitors to this page
Add to Technorati Favorites


View blog authority
blogs SAPO
RSS
Spread the Recycling Message
Quinta-feira, 25 de Outubro de 2007

Sabia que...

- Oito jardins residenciais correspondem a 70 toneladas de ar condicionado?
 
- A um conjunto de relva, herbáceas, arbustos e árvores existentes num espaço, corresponde a uma diminuição de 50 % da poluição sonora?
 
Estes factos falam por si quanto à importância da existência de espaços verdes em meios urbanos. As suas vantagens são muitas, nomeadamente a diminuição das amplitudes térmicas (melhoria do conforto térmico), a diminuição da poluição sonora, o aumento de permeabilidade dos solos e consequente redução de risco de inundações, o aumento da humidade no ar, a melhoria da qualidade do ar, para além dos aspectos de lazer, recreio e paisagísticos, entre muitos outros.
 
Um outro aspecto importante na percepção desta matéria são as inúmeras vantagens das árvores caducifólias (de folha caduca) em detrimento das perenes nos nossos espaços públicos urbanos, sejam eles jardins, parques, arruamentos, praças, etc.
 
As árvores caducifólias são as que deixam cair totalmente as suas folhas de Inverno e as perenes ou persistentes são aquelas em que a maioria das suas folhas persistem durante todo o ano. A maioria das árvores existentes é caducifólia, pois este processo de rejuvenescimento anual permite ganhar defesas e obter um melhor desenvolvimento, uma maior capacidade de resistência a agentes patogénicos, assim como uma maior capacidade reter nas suas folhas as poeiras de poluição atmosférica, relativamente às árvores de folhagem persistente.
 
Apesar da maioria da população residir em zonas urbanas, não devemos dissociar-nos dos ciclos naturais que fazem parte da nossa existência. O amarelecimento das folhas e a sua queda são processos naturais da vida, de enorme beleza, que significam o fecho de um ciclo e início de outro tão ou mais importante … e não deve ser visto como um “problema de limpeza”! 
 
Até porque as folhas que caem no chão podem ser aproveitadas para compostagem, resultando a matéria orgânica em substrato para as floreiras das nossas varandas ou para os canteiros do nosso jardim.
 
Na Natureza, nada se perde, tudo se transforma; e devemos aceitá-la como ela é, compreendê-la e vermos as pequenas maravilhas que estão sempre a acontecer mesmo ao nosso lado! 
 
É só preciso olhar para o que nos rodeia…
 
Texto extraído do site da Câmara Municipal da Nazaré → Secção AmbienteEspaços Verdes
publicado por iGreen às 22:14
link do post | comentar | favorito
|
Animais de Rua - Projecto de Esterilização e Protecção de Animais Sem Lar